Você está aqui: Página Inicial » Literatura » Literatura no Brasil » Periodização da literatura brasileira

Literatura no Brasil

Texto:
por: Vânia Maria do Nascimento Duarte

Periodização da literatura brasileira


Era Colonial e Era Nacional – eis as duas fases que norteiam a periodização da literatura brasileira, tendo em vista a evolução política e econômica do país.





A periodização da literatura brasileira compreende duas fases: a Era Colonial e a Era Nacional
A periodização da literatura brasileira compreende duas fases: a Era Colonial e a Era Nacional



Falar sobre a periodização da literatura brasileira significa, acima de tudo, conscientizar-se de que ela, ao contrário do que se atesta acerca da literatura portuguesa, constitui-se de épocas próprias, constituídas de peculiaridades distintas.

Tais peculiaridades nos remetem a um importante fator que sempre norteia as produções artísticas que aqui se deram: o cenário político e econômico da época em questão. Não por acaso, sobretudo quando se fala num primeiro momento, uma das fases se denomina de Era colonial. Assim, em termos políticos, torna-se notório o “peso” que outras metrópoles (sobretudo Portugal) exerciam sobre uma terra que se mostrava recém-descoberta. Recém-descoberta e mal sabiam os habitantes primitivos que dali, daquele exato momento em diante, tudo não passava de um jogo de interesse, sobretudo o econômico.

Dessa forma, quando comparada com o avanço das grandes tendências ocidentais, a situação do Brasil, ainda colônia de Portugal, caminhava a passos lentos, para não dizer lentíssimos. Tal situação se torna ainda mais real quando tomamos como ponto de partida a efervescência cultural em solo europeu, mais especificamente demarcada com a eclosão do Renascimento, fazendo-se notório nas artes de uma forma geral (literatura, pintura, escultura, entre outras). Enquanto isso, o Brasil acabava de ser descoberto, o que representava a entrada do Brasil de forma tardia no universo artístico (mais precisamente um século depois).

Nesse sentido, temos que a era em questão (Era Colonial) se manifestou durante o período em que o Brasil ainda não era independente. Período esse que vai da descoberta -1500 até o ano de 1822 – ano da Proclamação da Independência. A segunda fase, também denominada de Era Nacional, compreende a fase que vai desta independência até os dias de hoje.

Assim, abaixo, você poderá conferir acerca de tal delimitação, a qual, por meio de todas as manifestações de figuras artísticas que nos deixaram seu importante legado, engloba os chamados estilos de época, também conhecidos por escolas literárias, todos eles concebidos como fruto de toda uma postura ideológica definida, levando em consideração, obviamente, o contexto histórico, político e social vigente numa determinada época. Ei-las, portanto:

Era Colonial
Era Colonial e Era nacional representam as duas fases que nortearam a periodização literária brasileira

Era Nacional
Legenda: A chamada Era Nacional compreende cinco estilos de época, também chamados de escolas literárias