Desmitificar ou desmistificar

Por Vânia Maria do Nascimento Duarte




Desmitificar e desmistificar apresentam semelhanças gráficas e sonoras, contudo divergem quanto ao significado

Desmitificar e desmistificar, tendo em vista os aspectos gráficos que os norteiam, diferem apenas por uma única letra – o “s” presente em desmistificar. Ah! como são tantas as palavras presentes na nossa língua que retratam essas mesmas características.

Será que tais aspectos implicam em possíveis questionamentos no momento de utilizá-las corretamente? Obviamente que sim, pois por uma simples distração, ou até mesmo por falta de um conhecimento mais amplo acerca dos fatos linguísticos, muitos usuários podem concebê-las como sinônimas – fato que desencadeará no emprego de uma ou de outra –, de forma errônea.

Contudo, eis que estamos diante de um fato que precisa ser analisado com bastante atenção, haja vista que apesar das semelhanças gráficas e sonoras, as divergências se apresentam justamente quanto ao significado. Assim, referimo-nos aos muitos casos relacionados à paronímia, tais como: COMPRIMENTO X CUMPRIMENTO / DEFERIR X DIFERIR / DESCRIÇÃO X DISCRIÇÃO, entre outros.

E por ressaltá-las, por que não citarmos os verbos desmitificar e desmistificar? Dessa forma, pautados pela noção de que ambos os vocábulos possuem acepções semânticas distintas, vamos a elas:

Desmitificar – Desfazer um mito, tirar o caráter de mito, despojar de consagração (alguém ou algo).

Precisamos desmitificar que gatos são responsáveis pela transmissão de doenças alérgicas.

Desmistificar – Desfazer uma mistificação, denunciar um erro.

Todo aquele bando de malfeitores foi desmistificado pela equipe de investigação, a qual já atuava há alguns dias.

Em se tratando desse caso, eis um aspecto que expressa relevância. Para tanto, analisemos o enunciado a seguir para que possamos nos inteirar da questão em pauta:

O fulano de tal precisa ser desmitificado... Ou seria desmistificado?

Neste caso, somente o contexto nos proporcionará pistas seguras para que possamos optar pela forma correta, ou seja, se tal pessoa é considerada como alguém com virtudes exageradas, ou se se trata de um farsante.

Portanto, atente-se para a questão, com vistas a fazer a escolha correta.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Mais procurados

Uso dos porquês

Conte com o artigo para não errar mais o uso dos porquês.

Cedilha

Afinal, por que a cedilha não está entre as letras do nosso alfabeto?

Modo dos verbos

O verbo pode ser flexionado de três formas diferentes. Revise já!

A ou há?

Aprenda agora mesmo a usar cada uma dessas expressões.

Carteira de Estudante no Brasil Escola

Acesse e saiba como solicitar a sua carteirinha de estudante Brasil Escola. É rápido e fácil!

Mais procurados background