Gêneros Textuais

Texto:

Documentário


O documentário é um gênero do cinema que possui muitas semelhanças com o jornalismo, como o foco nos fatos e pessoas reais.



O que é documentário?

Documentário é um gênero do cinema que tem como objetivo a apresentação de uma visão da realidade por meio da tela. Para isso, esse gênero utiliza-se de arquivos históricos, imagens, entrevistas com pessoas envolvidas e outros recursos, permitindo que ele seja construído ao longo do processo de sua produção e somente seja finalizado com a edição. Assim, apesar de possuir um roteiro, o documentário não é escrito ou planejado, e sim construído processualmente de forma criativa e nem sempre fidedigna à realidade.

Como se produz um documentário?

A produção de um documentário é constituída de etapas que englobam determinadas atitudes antes, durante e depois das filmagens. Veja:

⇒ Antes das filmagens:

- definir o tema a ser abordado;

- estabelecer o público-alvo;

- pesquisar sobre o tema escolhido;

- elaborar um pré-roteiro, especificando as cenas, depoimentos e relatos necessários;

- elaborar contratos e declarações para a concessão de imagens e direitos;

- agendar as gravações.

⇒ Durante as filmagens:

- gravar as cenas nos cenários estabelecidos de acordo com o pré-roteiro;

- gravar as entrevistas com as pessoas escolhidas;

- gravar os depoimentos preestabelecidos;

- verificar se as cenas, entrevistas e depoimentos gravados estão de acordo com o pré-roteiro e com o objetivo do documentário;

- fazer as gravações que faltam para a construção do documentário.

⇒ Após as filmagens:

- edição das gravações com um roteiro da organização do documentário que contenha uma descrição detalhada das informações necessárias, como imagens, falas e créditos;

- colocar as imagens que foram citadas ao longo do roteiro de organização;

- edição das imagens na sequência estabelecida pelo roteiro de organização;

- verificação final.

Após esse longo processo de construção, a última coisa a ser feita é a publicação e a divulgação do trabalho. Isso pode ser realizado por meio da exibição do filme e da disponibilização na internet.

Recursos

Por possuir uma maior liberdade de construção, o autor do documentário pode utilizar-se de alguns recursos nesse processo, como:

presença de um locutor (personagem ou narrador);
construção do documentário apenas com depoimentos;
contar a história por meio da reconstituição dos fatos;
presença de personagens para uma maior dramaticidade;
apresentação de documentação histórica que comprove os fatos, etc.

Percebe-se que, diante dessa variedade de recursos, o documentário não se preocupa muito com a fidelidade ao real por tratar-se de um discurso pessoal.

Sugestões de documentários

Doutores da alegria – o filme, de Mara Mourão, 2005.
A jornada do homem, de Keith Melton, 1999.
Ilha das flores, de Jorge Furtado, 1989.
SiCKO: SOS Saúde, de Michael Moore, 2007.


O documentário exibe uma visão da realidade por meio da tela
O documentário exibe uma visão da realidade por meio da tela
Por: Mariana Rigonatto