Redigindo um recibo

Por Vânia Maria do Nascimento Duarte

São inúmeras as ocorrências em que pessoas se sentem lesadas por não tomar as devidas precauções. Contratos de trabalho, de aluguéis, notas promissórias... Enfim, tal fato deriva-se, muitas vezes, da falta de informações e da própria confiabilidade depositada apenas na “verbalização” entre as partes envolvidas. Esquecem-se de que uma das maneiras que nos subsidiam em termos de comprovação acerca de algo é a linguagem escrita, ou seja, algo verdadeiramente documentado, registrado.

Dentre estas situações, figura-se um gênero que comumente circula nas esferas sociais – o recibo. Já imaginou ter que pagar uma conta por duas vezes apenas porque não exigiu do credor o documento comprobatório? Ele, diga-se passagem, é de extrema importância para todos, pois assegura-nos de possíveis transtornos.

Analisando-o como um elemento pertencente à enorme variabilidade de gêneros dos quais compartilhamos, o recibo carece de uma análise mais atenta quanto às suas características de natureza linguística. Mesmo porque se constitui de uma estrutura padrão, justamente por se inserir na modalidade ora caracterizada como redação técnica. A título de reconhecê-lo de uma forma abrangente, observemos um exemplo representativo:
 

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

 R E C I B O

Campo Grande, 03 de março de 2009.          R$ 300,00

Recebi (emos) de (nome completo da pessoa que efetua o pagamento).

Endereço (endereço completo desta).

A importância de trezentos reais, referente ao pagamento de dois meses do aluguel.


Para os devidos efeitos, assino (amos) o presente

-----------------------------------------------
(Assinatura do remetente)


Em se tratando de remetentes jurídicos, há que se ressaltar que alguns adquirem o documento já pronto, normalmente comercializado em papelarias, outros optam por redigi-lo, acompanhado do logotipo da empresa. O importante é que em ambos os casos, há a necessidade de se atribuir o carimbo, contendo os dados do estabelecimento, e assinatura.
 

Mais procurados

TCC

Conheça nossas dicas para entender sobre a dedicatória em um TCC.

Uso dos porquês

Conte com o artigo para não errar mais o uso dos porquês.

Hiato

Saiba como separar as sílabas das palavras que possuem hiato.

Vogal temática

Toda palavra possui uma vogal temática: mito ou verdade?

Complementos verbais

Que tal fazer uma revisão sobre complementos verbais agora?

Mais procurados background