Substantivo derivado

Por Warley Souza

Substantivo derivado é aquele que tem origem em outro substantivo. Portanto, ele é derivado de um substantivo primitivo. Existem os seguintes tipos de derivação:

  • prefixal (o radical recebe um prefixo);

  • sufixal (o radical recebe um sufixo);

  • parassintética (o radical recebe um prefixo e um sufixo ao mesmo tempo);

  • regressiva (o sufixo é retirado do substantivo primitivo);

  • imprópria (o substantivo se origina de palavra não substantiva).

Leia também: Quais são os sufixos indicadores de grau dos substantivos?

O que é substantivo derivado?

O substantivo derivado é aquele que se origina, provém, de outro substantivo.

Substantivo derivado

Substantivo primitivo

Tinteiro

Tinta

Papelaria

Papel

Portaria

Porta

Ferramenta

Ferro

Vidraçaria

Vidro

Cafeteira

Café

Florista

Flor

Tipos de derivação

  • Derivação prefixal

Quando o radical da palavra recebe um prefixo.

Exemplo:

Hélio era incapaz de colocar um fim naquela situação.
(Radical: capaz. Prefixo: in.)

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

  • Derivação sufixal

Quando o radical da palavra recebe um sufixo.

Exemplo:

A água do bebedouro estava extremamente gelada.
(Radical: bebe. Sufixo: douro.)

  • Derivação parassintética

Quando o radical da palavra recebe, ao mesmo tempo, um prefixo e um sufixo.

Exemplo:

Você não se importa em ser antiético e envergonhar os seus pais?
(Radical: vergonha. Prefixo: en. Sufixo: ar.)

  • Derivação regressiva

Quando o sufixo é retirado de um substantivo primitivo.

Exemplo:

O portuga não gostou da piada, que era, de fato, muito ofensiva.
(Substantivo primitivo: português.)

  • Derivação imprópria

Quando o substantivo se origina de uma palavra que não é um substantivo, mas mantém a grafia original.

Exemplo:

Os maus triunfaram, e os bons estão resignados.
(“Maus” e “bons” são adjetivos convertidos em substantivos.)

Leia também: Como se emprega o substantivo?

Os substantivos derivados são originados a partir dos substantivos primitivos.
Os substantivos derivados são originados a partir dos substantivos primitivos.

Substantivo derivado e primitivo

Uma vez que o substantivo derivado provém de outro substantivo, esse substantivo original é, portanto, chamado de primitivo, ou seja, o primeiro.

Substantivo derivado

Substantivo primitivo

Sapataria

Sapato

Cozinheiro

Cozinha

Danceteria

Dança

Reinado

Rei

Jornalista

Jornal

Diário

Dia

Fogueira

Fogo

Exercícios resolvidos

Questão 1 – Analise os enunciados a seguir e marque a alternativa em que há pelo menos um substantivo derivado.

A) O carro de Elaine estragou bem no meio da rua principal, numa tarde escaldante de verão.

B) Mateusinho tinha muito medo de ir ao dentista; mas, quando cresceu, escolheu seguir essa profissão.

C) O mar estava calmo, o céu estava azul, as gaivotas voavam em paz, e os peixes pareciam sonhar.

D) A mulher olhou para o seu irmão e repetiu: “Que jogue a primeira pedra quem não tem pecado”.

E) O jardim estava morto, e ninguém se preocupava em fazê-lo renascer, pois estavam todos muito ocupados.

Resolução

Alternativa B. No enunciado, a palavra “dentista” é um substantivo derivado do vocábulo “dente”.

Questão 2 – A seguir, leia um trecho da crônica “O amor impossível é o verdadeiro amor”, de Arnaldo Jabor:

Outro dia escrevi um artigo sobre o amor. Depois, escrevi outro sobre sexo. Os dois artigos mexeram com a cabeça de pessoas que encontro na rua e que me agarram, dizendo: “Mas... afinal, o que é o amor?” E esperam, de olho muito aberto, uma resposta “profunda”. Sei apenas que há um amor mais comum, do dia a dia, que é nosso velho conhecido, um amor datado, um amor que muda com as décadas, o amor prático que rege o “eu te amo” ou “não te amo”. Eu, branco, classe média, brasileiro, já vi esse amor mudar muito. Quando eu era jovem, nos anos 60/ 70, o amor era um desejo romântico, um sonho político, contra o sistema, amor da liberdade, a busca de um “desregramento dos sentidos”. Depois, nos anos 80/ 90 foi ficando um amor de consumo, um amor de mercado, uma progressiva apropriação indébita do “outro”. [...]

JABOR, Arnaldo. Amor é prosa, sexo é poesia. Rio de Janeiro: Objetiva, 2004.

Assinale a alternativa em que há um substantivo resultante de derivação parassintética:

A) “Outro dia escrevi um artigo sobre o amor.”

B) “Os dois artigos mexeram com a cabeça de pessoas que encontro na rua [...].”

C) “Eu, branco, classe média, brasileiro, já vi esse amor mudar muito.”

D) “[...], amor da liberdade, a busca de um ‘desregramento dos sentidos’.”

E) “Depois, nos anos 80/ 90 foi ficando um amor de consumo, um amor de mercado, [...].”

Resolução

Alternativa D. O substantivo “desregramento” é derivado do substantivo primitivo “regra”, ao qual foram acrescidos o prefixo “des” e o sufixo “mento”. 

Mais procurados

Uso dos porquês

Conte com o artigo para não errar mais o uso dos porquês.

Hiato

Saiba como separar as sílabas das palavras que possuem hiato.

Vogal temática

Toda palavra possui uma vogal temática: mito ou verdade?

Complementos verbais

Que tal fazer uma revisão sobre complementos verbais agora?

Carteira de Estudante no Brasil Escola

Acesse e saiba como solicitar a sua carteirinha de estudante Brasil Escola. É rápido e fácil!

Mais procurados background