Catequisar ou catequizar?

Por Luana Castro Alves Perez

Catequisar ou catequizar? Nesse caso, deve-se considerar aspectos etimológicos que regem a ortografia desse verbo.

O verbo catequizar é um exemplo de vocábulo cuja etimologia foi preservada
O verbo catequizar é um exemplo de vocábulo cuja etimologia foi preservada

Catequisar ou catequizar? Você sabe qual é a forma correta? Se fizermos uma rápida busca pela internet, certamente vamos encontrar os dois resultados, como se as duas formas fossem possíveis, dada a vasta utilização da grafia catequisar. Contudo, há nessa grafia um deslize ortográfico que, de certa forma, justifica-se.

A grafia correta do vocábulo em questão é catequizar, com z. A confusão acontece porque o substantivo catequese é escrito com s, portanto, seria lógico que as palavras dele derivadas preservassem o s. Seguindo esse raciocínio, muitos acabam errando na hora de escrever, pois fatores etimológicos acabam sendo desconsiderados, visto que nem todos conhecem a história e a origem de determinados termos.

Embora a palavra catequese seja escrita com s, o verbo catequizar não é derivado desse substantivo, já que tem sua origem no latim catechizare e na palavra grega katekhízein. Sendo assim, todas as palavras derivadas do verbo catequizar devem ser escritas com z, preservando sua etimologia. Observe os exemplos:

Pedro é um ótimo catequizador.

A catequização das crianças é realizada no salão da paróquia.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

A literatura catequizante tem no Padre José de Anchieta um de seus principais representantes.

A principal missão dos jesuítas era catequizar os nativos brasileiros.

Com origens no latim e no grego, o verbo catequizar e as palavras dele derivadas devem ser escritas com z
Com origens no latim e no grego, o verbo catequizar e as palavras dele derivadas devem ser escritas com z

Catequizar significa instruir ou doutrinar em matéria social ou religiosa. É sinônimo de cristianizar, mas nem sempre apresenta essa conotação, já que em muitos contextos recebe diferente carga semântica, sendo empregado com o sentido de convencer ou atrair alguém para determinados princípios. Veja os exemplos:

Um povo sem instrução pode ser facilmente catequizado.

O professor tentou catequizar os alunos ao expor sua posição política.

Portanto, fique atento para não confundir catequese – o substantivo escrito com s ­- e o verbo catequizar e seus derivados – que devem ser escritos com z. Bons estudos!

Mais procurados

Coco, côco ou cocô?

Coco”, “côco” e “cocô” são palavras que causam bastante dúvida na escrita. Estão corretas apenas “coco” e “cocô”.

Liev Tolstói

Ele é um dos principais nomes do realismo em seu país e escreveu livros famosos, como os romances Guerra e paz e Anna Karenina.

Ultrarromantismo

O Ultrarromantismo é um movimento literário que corresponde à segunda fase romântica das literaturas portuguesa e brasileira.

Vim ou vir?

Tanto a forma “vim” quanto a forma “vir” estão corretas, mas cada uma delas é usada em situações específicas.

Memórias póstumas de Brás Cubas

Memórias póstumas de Brás Cubas é o primeiro romance realista de Machado de Assis

Mais procurados background